sábado, 18 de fevereiro de 2012

Mais sobre CANDIDÍASE

CANDIDÍASE
A candidíase é uma doença causada por um fungo chamado Cândida. A candidíase não é uma doença sexualmente transmissível (DST) exclusiva, isto é, os pacientes não necessariamente tiveram relação sexual com um doente com cândida para manifestar a lesão. Em mais de 85% das infecções o microorganismo é de origem endógena, ou seja, do próprio paciente e em cerca de 5 a 10% a transmissão é sexual. Os locais mais comuns de aparecimento da candidiase são penis, vagina, trato digestivo e pele. A candidiase vulvovaginal é a infecção mais comum do trato genital feminino (1 de cada 4 infecções).
A cândida vive normalmente (e pacificamente) no corpo de todo mundo, não há um só ser humano ou animal que não possua cândida em seu organismo. Ela geralmente não causa problemas, pois as “bactérias amigas” e o sistema imunológico mantêm seu crescimento sob controle. Somente quando as condições se tornam propícias e o corpo não consegue se defender adequadamente da proliferação da cândida é que ela forma suas colônias e causa todo o problema que conhecemos como crise de candidíase.
O fungo gosta de calor, umidade e escuridão. Junta-se a isso, queda da imunidade, alteração da flora bacteriana e a ruptura da pele (pequeno corte), pronto, esta instalado o problema.
A paciente poderá apresentar uma colonização assintomática (sem sintomas) de cândida no fluido vaginal. Quando a quantidade de colônias ultrapassa 106UFC/ml os sintomas se manifestam. Alem do aumento das colônias, estas precisam se ligar ao epitélio vaginal, por meio de receptores para que a doença se desenvolva.
A mulher com candidiase recidivante tem seus parceiros sexuais acometidos com cândida em 20% dos casos.

MANIFESTAÇÃO
Na mulher apenas 1 em cada 3 apresentam o quadro clássico de vulvovaginite por cândida que é: corrimento branco espesso sem odor (ou odor de fermento), desconforto e coceira na vagina, ardência durante relação sexual ou quando tem contato com a ejaculação, urina ou água. 75% da população feminina apresenta pelo menos 1 episódio de cândida em sua vida. Destas, 50% apresentarão algum tipo de recorrência, seja um episódio agudo ou a doença crônica. A candidiase de repetição irá ocorrer em 5 a 10%, com pelo menos 4 episódios no período de 1 ano.
No homem a balanopostite por cândida se manifesta com: coceira, vermelhidão e descamação da pele na glande, na região sub-coronal (corpo do penis abaixo da glande) e no prepúcio. Podem ocorrer pequenos cortes que ardem ao contato com a água. Não sai secreção pela uretra (ausência de corrimento). Caso ocorra candidiase de repetição o paciente poderá desenvolver uma fimose secundaria (dificuldade de retrair o prepúcio), principalmente quando associação com diabetes melitus.
A causa mais freqüente de candidíase recorrente é uma “super população” do fungo cândida, com ênfase para as espécies albicans e sp, que sobrevive no corpo graças a diversos fatores.

CAUSAS DE RECORRENCIA DA DOENÇA
1. Sistema Imunológico: A defesa de cada organismo varia de pessoa para pessoa. O sistema imunológico é extremamente sensível ao stress e a mudanças emocionais.
2. Alimentação: A alimentação inadequada e hábitos sedentários também contribuem para uma imunidade mais baixa. A cândida se alimenta de açúcar e se reproduz por fermentação. Quando sua dieta é rica nessas substâncias (açúcar e fermento), a possibilidade de despertar crises repetidamente é muito grande. Mesmo alimentos considerados saudáveis como leite e pão integral, dependendo da pessoa, podem ter relação com suas crises de candidíase. Nem todas as pessoas que se alimentam de forma pouco saudável desenvolvem a candidíase, enquanto muitas pessoas que procuram cuidar da saúde e se alimentam corretamente a desenvolvem.
3. Alergias: alergias a certos alimentos ou elementos químicos que promovem o crescimento da cândida, como fermento, bolor, caseína (leite animal e seus derivados), glúten (trigo, aveia, cevada e centeio), agentes químicos (como conservantes utilizados em alimentos), entre outros.
4. Outras causas: As causas secundárias apontadas como mais comuns são:
- Uso de antibióticos;
- Uso de meia-calças, calcinhas de nylon, roupas apertadas;
- Uso de anticoncepcionais;
- Uso de duchas vaginais, cremes perfumados, talcos, ou sprays
desodorantes na área vaginal;
- Uso de absorventes diários;
- Uso de medicações com corticóides;
- Dietas mal conduzidas para perda de peso;
- Diabetes;
- AIDS;
- Pós-resfriado ou gripe;
- Pós-cirurgico;
- Baixa lubrificação vaginal;
- Lesões da mucosa da vagina;
- Umidade e calor no genital;
- Fimose;
- Menopausa;
- Alergias;
- Obesidade;
- Sudorese intensa;
- Gravidez;
- Doenças da Tireóide;
- Anemia;
- Uso de drogas e álcool;
- Dieta rica em carboidratos (açúcar);
- Uso de roupas molhadas/trajes de banho por longos períodos;
- Distúrbios emocionais;
- Stress e ansiedade;
- Falta de higiene;
- Insônia/pouco sono.
Um parêntese deve ser feito aqui com relação a duchas vaginais. Se
você faz uso de duchas com muita freqüência, essa pode, sim, ser a razão de sua candidíase. Numa tentativa de manter a higiene “completa”, muitas mulheres cometem o grande erro de usar duchas, que destroem a flora vaginal – assim como os antibióticos –, deixando a área livre para a proliferação da cândida. A vagina é protegida por bactérias “do bem”, chamadas de probióticos. São essas bactérias que mantêm o pH da vagina equilibrado.

Por que a candidíase volta mesmo depois de ser curada?
A doença é de fato curada por medicamentos, mas as circunstâncias propícias continuam no corpo e a pessoa desenvolve novamente, vez após vez, a doença, mesmo depois de a situação ter sido completamente normalizada por medicamentos. Fortalecer o sistema imunológico e repor constantemente as populações de probióticos (bactérias amigas) já é um bom passo para resolução da maioria dos casos.
Preciso fazer algum exame para diagnosticar a candidiase? Cultura para fungos?
Não. O diagnostico é feito pela historia clinica e exame físico. Não cabe fazer exame de cultura para fungos.
Usei pomada e tomei um comprimido, mas a candidiase não melhora! O que eu faço?
É necessário mudar o enfoque do tratamento, atingindo os fatores predisponentes.
Se eu tiver a doença meu parceiro(a) deve ser tratado também?
Na maioria dos casos é recomendada uma avaliação do ginecologista ou do urologista para afirmar a necessidade do tratamento.
Tenho candidiase de repetição e o urologista indicou cirurgia de fimose. É necessário operar?
Quando removemos o prepúcio que é a pele que recobre a glande no pênis, deixamos este local livre de dois dos principais fatores de risco: calor e umidade. Alem de facilitar a limpeza. Nesse caso o risco de adquirir candidiase diminui bastante. Portanto para alguns pacientes a cirurgia poderá representar a cura.
Não quero operar. Qual a saída?
Limpeza e higiene. Enxugar toda vez que urina e depois do banho. Usar preservativo. Melhorar a imunidade (dieta adequada, horas de sono, atividade física, diminuir o stress).
Toda vez que minha parceira tá estressada, ela me passa candidiase. Qual é a dica?
Às vezes o stress é inevitável. Quando o casal consegue identificar um fator que predispõe a candidiase (viagem, menstruação, prova da faculdade, compra de apartamento, organização do casamento, gravidez, trabalho puxado, acorda cedo: trabalha, estuda, come na rua e dorme pouco), use preservativo neste período. Muitas vezes a candidiase é uma manifestação do corpo que algo não está 100%; pode ser o sinal que devemos mudar nosso estilo de vida.
Quais os exames que devo fazer quando estou com candidiase?
O diagnostico é clinico, ou seja, escutar a queixa do paciente e examinar.
Mas podemos pesquisar outras doenças que podem manter o quadro de infecção de repetição como: Hemograma (anemia), Glicemia de jejum (Diabetes), Sorologia HIV, TSH e T4 livre (Doenças da tireóide), Peniscopia e Vulvoscopia (HPV), Urina tipo I e Urocultura (Infecção urinaria), Cultura de secreção (uretrite, vulvovaginite).

41 comentários:

  1. Preciso saber o que é uma "bolinhas" vermelhas na cabeça do penis, só na cabeça,pode ser uma alegia?Candidiase? Se for candidiase, qual ot tratamento adequado?

    ResponderExcluir
  2. Outra.Estou com sintomas de anemia,e tenho alguns problemas respiratorios,pode ter alguma coisa haver com a minha primeira pergunta? Alergia ou Candidiase?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sorry, a anemia faz com que baixe sua imunidade e com isso alguns sintomas como o aparecimento de uma espécie de grosseirão, que coça, e pode arder também se farão presentes, o comum são bolinhas brancas que seriam responsáveis pela lubrificação do pênis, mas não sobre a glande e sim ao lado, minha indicação é que procure uma Unidade de Saúde e peça um atendimento médico... abçs.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. (...) olá; há 8 anos que me debato com esta estigmatizaste manifestação fúngica no pénis. Não tenho diabetes, nem HIV. Pesquisas que fiz associam a possibilidade desta "recorrente" manifestação em adulto, com o tratamento do acne com Roacutan, e que aconteceu comigo. Utilizei tb, por esta razão,Metranidazol,em pomada,durante muitos anos, diariamente. Tinha uma alergia respiratória; tomei uma vacina e há 6 deixei de ter manifestações.
    Tenho 62 anos faço há 6 anos 3 x por semana 1500 metros em natação. Na alimentação privilegio,o peixe e os legumes; carne 1 ou 2 vezes por mês. Não como muitos hidratos.Os açucares absorvo-os directamente da fruta que como muito e de toda a qualidade.Complemento esta dieta com muitos frutos secos. Bebidas, bebo um copo de vinho tinto a cada refeição.
    Ultimamente as manifestações- picos vermelhos- que pressinto por picadas e comichão,são recorrentes em intervalos de (+ ou -) uma semana,e desaparecem apenas com a higiene, já que não utilizo nenhum medicamento.
    Não sou circuncisado. Não tenho por esta razão grande actividade sexual, porque me inibe. Mesmo assim; aparentemente não vivo com stress.
    Mas estou à toa e não sei o que fazer. Os tratamentos alternativos aconselhados parecem-me excessivamente radicais em termos de dieta: É possível ajudar-me com alguma sugestão ??? Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi, desculpe só parei para ler todo os posts esta semana aproveitando a greve e só o vi neste meomento... Vc relatou que usou uma pomada específica por muito tempo e qual era o resultado? melhorava ou não... Quanto ao criutério de idade não há razão salvoa s modificações hormonais que ocorrem normalmente, seu dermato ou urologista lhe falou ou indicou algo, ou melhor vc os procurou? Você diz que quase não tem relações por este motivo, e o uso do preservativo nas relações não o ajudaria? A questão de não se estressar por isso é um ganho positivo, pois outros estariam literalmente subindo pelas paredes... Dietas sempre são boas desde que nada radical e nem castradora já me diz sempre a nutricionista que acomapanha minha saude que é debilitada a vaŕios anos, mesmo eu sendo um cara enorme de tamanho fisico hahahahah vai que confundem o tamanho né? Notei o uso do vinho, o vinho tinto pode causar algumas brotoejas sim principalmente devido à sua fermentação. Vamos nos conversando? Vou verificar mais algumas dicas e te envio, pode manter contato pelo meu email ok? abçs.

      Excluir
    2. já usou este : O Fluconazol é um dos medicamentos mais utilizados no tratamento de vários tipos de infecções fúngicas, inclusive a Candidíase. Geralmente fungos não fazem resistência a medicamentos com tanta facilidade como as bactérias por exemplo. Por isso, medicamentos como o Fluconazol fazem um ótimo efeito no tratamento da doença.

      A questão de ser rápido o tratamento é relativo. Se você estiver tratando infecção vulvovaginal recorrente por exemplo, seu médico deve ter prescrito Fluconazol 150 mg uma vez por semana por 4 semanas. Em caso da primeira infecção, apenas dose única. Dependendo dessas situações o tratamento é rápido ou não.

      Sobre precisar de outros medicamentos, não é necessário, pelo menos na imensa maioria dos casos. Por isso, pode confiar no Fluconazol: se tomar direitinho de acordo como o prescrito, certamente fará efeito, e no tempo certo! Porém, nunca deixe de tomar o medicamento prescrito (seja o Fluconazol ou qualquer outro, especialmente antibióticos) mesmo que os sintomas tenham acabado, pois o fungo (ou o outro microorganismo em questão) pode não ter desaparecido ainda.

      Você pode obter mais informações em nosso site, criado por estudantes de Medicina e que pode lhe ajudar muito a entender a doença!

      Espero que tenha lhe ajudado e bom tratamento!

      Excluir
  5. Respostas
    1. James? que houve desistiu de entrar em contato? estou aqui ok? abçs.

      Excluir
  6. Estou com bolinhas vermelhas na cabeça do penes o que é ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. como saber, bolinhas vermelhas podem ser alguma dst como pode ser apenas sintomas de baixa imunidade se acaso andou tomando medicamentos com antibioticos.

      Excluir
  7. estou com candidíase a mais de um mês e uma semana e ñ há melhora, seria devido eu me masturbar durante o tratamento ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. com certeza. sem duvida. vê que a candidiase é provicada por uma bacteria, ao você provocar o organismo este responde.

      Excluir
  8. tive relação com uma garota de programa e a camisinha estourou , 4 meses depois peguei candidíase poderia ser HIV ? por favor me responda estou desesperado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amiguinho. O risco é muito alto sempre se nao haver proteção e cuidados, sempre tenha cuidado, Vê foi uma candidiase que é facil de curar, mas poderia ser uma sifilis, um hiv, ou hpv... sempre cuide-se.

      Excluir
  9. Oi abilio machado eu tive CANDIDÍASE, fui no médico tomei remédio e melhorou , só que a cabeça do meu pinto não abre mais, já tentei de tudo parece que eu to com fimose ou algo do tipo, voçê sabe de algo que eu possa fazer ou tomar que melhore isso ? não aguento mais ficar assim, não doi nem nada ja to curado mais não abre mais e isso tá me incomodando :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa como assim não abre mais? você pode me manter informado pois o básico da candidiase é que A candidíase no homem é muito comum, apesar de alguns não apresentarem sintomas. Quando o crescimento do fungo é exageradamente grande, o homem então apresenta sintomas similares ao da candidíase vulvovaginal.
      Abaixo estão alguns dos mais comuns sintomas da candidíase peniana:

      - Dor durante a relação sexual;
      - Sensação de queimação ao urinar;
      - assaduras na cabeça do pênis;
      - Leve inchaço;
      - Eventual corrimento semelhante ao sêmem.

      Homens adquirem candidíase peniana ao terem contato sexual com uma parceira contaminada ou devido a uma fraqueza no sistema imunológico. Alergias a alimentos e agentes químicos também podem desencadear a candidíase em homens. A candidíase entretanto não é considerada uma doença sexualmente transmissível e este fato não é comum. Para que a transmissão ocorra, geralmente o ato deve ocorrer no período em que a mulher está tendo uma crise. A raridade se dá pelo fato de que a mulher nesse estado não quer ter relações sexuais. A transmissão geralmente ocorre durante os primeiros dias da crise quando os sintomas ainda não são tão desconfortáveis.

      Ao ser diagnosticado com candidíase peniana, o homem deve abster-se do sexo até que a crise tenha passado. Muitas vezes, a mulher infectada passa a doença para o parceiro e quando já está curada, pega a doença do parceiro novamente.

      A utilização de remédios pode tornar o fungo mais resistente com o tempo.

      Excluir
  10. Olá estou fazendo o tratamento para candiadiase e gostaria de saber se eu posso me masturbar durante o tratamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não é legal... espero que já tenha melhorado. abçs.

      Excluir
  11. Abilio, em cima da do meu penis, na pele saiu uma bolinha branca, porém ela e grande e agora saiu uma parecida com uma espinha e ate apertei ela e sangrou um pouco, o que pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa que parece uma espinha, saiu bem no começo no meio dos cabelos antes do penis!!!

      Excluir
    2. A que parece uma espinha pode ser apenas um pelo encravado que é comum, mas esta bolinha branca como ela é? Qual sua idade? se for menor deve primeiro procurar um pediatra, se for maior deve procurar na US ou UPA de seu bairro e pedir encaminhamento ao Urologista, ok?
      Se quiser envie uma foto de como é ou está esta bolinha, ok? pode ser no meu email mesmo. abçs.

      Excluir
    3. oi, esqueci de perguntar se usou alguma pomada cicatrizante sobre a inflamação... abçs.

      Excluir
  12. Melhor texto sobre Candidíase da internet, parabéns mesmo.
    Cara eu tive candidíase e não fui ao médico, eu não fazia ideia do que era, começou a coçar e a fimose (não sei se chama assim, aquela que não precisa operar) ficou um pouco inchada, impedindo a passagem da glande, minha namorada me confessou que que tinha candidíase e que provavelmente era isso, pesquisei, e com ela tomamos Fluconazol, junto passei Cetoconazol... em uma semana já estava recuperado, porém contraí novamente... desde então acho que já se passou mais de um ano, que luto com ela... nunca mais consegui puxar o prepúcio, parece como se a pela tivesse perdido a elasticidade, a glande não passa para fora, e quando consigo fazer isso é com muita dor, e ela fica como se tivesse sendo enforcada por outra pele, uma mais apertada (só consigo fazer isso sem estar ereto, o que torna mais difícil ainda de puxar a pele) e quando consigo é mais difícil ainda de voltar a glande para dentro dessa pele apertada.
    Enfim, fui a um urologista uma vez, e me senti muito mau, pois era minha primeira vez depois de adulto que ia ao médico para ver algo em meu pênis, e fui tratado como um lixo, ele nem viu direito, não consegui mostrar/conversar sobre o meu problema, ele simplesmente olhou do outro lado da mesa e disse, "toma fluconazol durante um mês 1 vez por semana e trata com cetaconzol", OK eu ja tinha feito isso, mas não tomando 1 vez por semana, eu cheguei a dar um intervalo de 14 dias... enfim com esse tratamento não coçou mais, porém a pele nunca mais voltou a ser a mesma, estou seguindo esse tratamento, ja faz uns 7 meses essa consulta, comecei a fazer o tratamento fiz 1 mês, esperei, ela voltou, fiz mais 1 mês esperei ela voltou, e agora ja estou tratando a 2 meses assim, mas a pele não volta ao normal... nunca mais vai voltar? tenho que operar? Eu (pelo que sei) não tenho diabetes, e li no texto "Caso ocorra candidiase de repetição o paciente poderá desenvolver uma fimose secundaria (dificuldade de retrair o prepúcio), principalmente quando associação com diabetes melitus." Fiquei muito preocupado com isso, pois sou obeso e tenho 28 anos, estou preocupado em ter diabetes agora...
    Mas resumindo (sei que me estendi demais) eu tenho dificuldade de retrair o prepúcio, e notei essa "pele" a mais, o que devo fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thiago, sinto pela sua experiência com este profissional da medicina, infelizmente há muitos assim, mas não desanime, procure outro, existem vários sintomas em você, com a junção da candidíase e a fimose, pois uma leva a outra pelo simples fato do incomodo, inchaço e desconfroto e prejuízos, quero lembrar que como existem vaŕios tipos nem sempre o remédio que deu certo para alguém dará para você, por isso a necessidade de procurar um profissional, pois citou até mesmo o tempo de tratamento pois cabe a cada tipo, a cada diagnostico a dose e tempo necessário, o que pode lhe trazer concomitantes como criar afeição medicamentosa e este não produzir mais efeito. Procure um médico, faça o tratamento correto e mantenha-me informado...abçs.

      Excluir
  13. Ola. Ha alguns meses comecei a sentir os sintomas da candidiase e tenho sofrido com eles de la pra cá. Nao tenho mais minha vida sexual ativa por conta disso. Tenho dificuldade em retrair o prepucio, cortes que as vezes até sangram, uma pequena bolinha vermelha se formou na parte de baixo do meu pênis. Ja tomei fluconazol mas nao resolveu. Estou com urologista marcado para o final do mês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, estive afastado por motivo de doença, estou com CA de Bexiga. Espero que tenha ido ao uro e tenha conseguido resultado, poste o diagnostico e como vc está...abçs.

      Excluir
  14. ola a 4 dias apareceu uma bolinha na cabeça do meu penis e hj começou um incomodo? oque sera.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. depende de como e por que surgiu a bolinha...pode ter várias origens... pode ser até má higienização local, pode ser baixa imunidade, pode dst...fale mais sobre o historico de antes de surgir a bolinha e se melhorou coloque o resultado aí como resposta...abçs.

      Excluir
  15. Tenho excesso de pele no pênis, só que consigo expor a cabeça pra fora normal, é necessário a realização da cirurgia? E esse excesso de pele leva a uma ejaculação mais rápida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi thiago, o excesso de pele é normal, não entendi o fato da exposição da glande, vc só consegue expor quando está flaçido é isso? ou consegue normalmente... o que leva a ejaculação precoce é a ansiedade antes e durante o ato... envie informações através de meu email e te passo alçguns exercicios de relaxamento para que baixe tua ansiedade...abçs.

      Excluir
  16. Meu pênis tem uns meses que encheu de caraçinhos pequenos e vermelhos e apareceu também . . . uns 5 caroçinhos brancos na linha do pênis e encomado e eu estou com medo de ir no urologista e minha vida sexual não é mais a mesma arde e encomoda muito :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi, quanto mais demorar a procurar ajuda pior pode ficar, lembre-se do velho ditado que diz: não deixe para amanhã o que pode fazer hoje? é muito válido nos casos de saúde.... pelo que vc disse são sinais de candidiase sim, espero que esteja bem, senão procure a unidade basica de saude mais proxima, ok?

      Excluir
  17. Bom dia... a uns 3 meses + ou - comecei a sentir uma coceira no penis na qual nao passa... e quando tenho relação a cabeça fica bem vermelha... e tbm da uma coceira...
    Hoje em dia a coceira esta passando pelo resto do penis...
    Isto é considerado candida???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A coceira pode se originar de vários itens, como higiene, cersimento dos pelos, ets... o caso é o quanto isto tem lhe incomodado, procure uma unidade basica de saude, pede uma consulta e veja o que é, enquanto isso compre uma barra de sabão de coco que é antibactericidade e faça a sua higiene com ele, vai arder mas funciona. abçs.

      Excluir
  18. olá amigo , namoro há mais de 1 ano e estou sempre em relação com minha parceira , porem de uns dias pra ca houve o aparecimento de uma bolinha que parece uma espinha na parte mais plana da glande. saberia me dizer o que é , passei cetaconazol , mas nao tomei nenhum antibiotico ou remedio pra isso . grato

    ResponderExcluir
  19. ola tenho 25 anos desde dos 17 que vivo com infecção por candidíase, sempre vai e volta ja cheguei a pensar que era Herpes mais nunca tive bolhas, nesse intervalo de 8 anos me consultei com 3 urologista e um farmacêutico todos sempre apenas aconselha pomadas e sempre dizem que Candidíase, o que mais estranho é que na época da primeira crise eu ainda era virgem, apenas so fazia me masturbar como posso ter pego isso ? ate hj nunca fiquei curado , isso acaba comigo psicologicamente, a ultima crise que tive apareceram muitas veias velhas algumas voltaram ao normal outras ainda estão o que pode ser isso ? de la pra cá as crises tem aumentado e tem ficado mais constante e tem agredido a base do penis parte de baixo muito vermelho despelando. o pior de tudo é que vc vai ao medico ele nem olha direito e apenas diz é so uma infecção por cândida se a infeliz não volta-se sempre ou diminui-se as crises ja seria ótimo o que acontecer sempre e que quando tudo esta ficando bem apos o termino do tratamento ela ja volta isso é um inferno o cara tem que viver com pomadas. não sou diabético e nem tenho uma outra doença. mais percebi que no decorrer desse tempo os pelos das minhas pernas, braços, peitos, que eram muito , diminuíra tipo eles tem ficado fino e menor, ja fui em 4 dermatologista dizem que não há nada de errado com exames e sempre passam vitaminas. minha vida ta uma droga ja estou pensando de ir ate a um psicologo agora .

    ResponderExcluir
  20. Tenho candidíase seguida de herpes, qual o tratamento eficaz contra essa doença?

    ResponderExcluir
  21. Se masturbar traz quais consequências pra quem possui candidiase? a companheira sangrar durante uma transa pode causar candidiase? To abismado com isso pq a vermelhidão está exatamente onde meu pênis foi atingido pelo sangue. e ela teria que ter candidiase para ter passado pelo sangue?

    ResponderExcluir
  22. Bom apareceu eu já tenho a um tempo uma manchinha escura na glânde eu não LIGO para ela o problema é que agora apareceu uma mancha escura só que ela forma um circulo na glande e quando o meu pênis fica ereto some e a glande fica meia esbranquecida.
    Vc sabe o que pode ser ?

    ResponderExcluir
  23. Boa tarde.Tive candidiase em outubro de 2013 o medico me receitou uma injeçao dose unica de ceftriaxona e 1g dose unica de azitromicina.Melhorei.Em março deste ano o freio da minha glande começou a inchar e o inchaço se espalhou até meu prepucio.Passei por 2 urologistas que me receitaram 150mg fluconazol dose unica e creme baycuten.Melhorei.Alguns dias se passaram e o inchaço no prepucio voltou,não dói,não arde,não coça,não tem secreçoes,somente aquele volume extra de pele prepucial,e quando me masturbo a cabeça da minha glande toma um aspecto branco que volta ao normal quando eu lavo ela.Alguém pode me ajudar?Será que é um fungo?Ou estou com fimose de novo?

    ResponderExcluir

Sempre se faça as perguntas das três peneiras quando for escrever um comentário: - vai ser bom para quem ler? -será justo o meu comentário? será verdadeiro o meu comentário? Só poste se todas as três forem de acordo com o teu coração e tua maneira de ser. Obrigado.