segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Livros com a temática Transexual

Livros
Viagem Solitária (Leya, 2011)
Por João W. Nery
Autobiografia do homem transexual pioneiro a realizar a transição no Brasil, João W. Nery.
Identidade Sexual e Transexualidade (Roca, 2009)
Por Luiz Airton Saavedra de Paiva e Tereza Rodrigues Vieira
Um compêndio para estudantes e profissionais dos mais variados campos do conhecimento, como medicina, psicologia, sexologia, antropologia, sociologia e direito, assim como interessados no tema em geral (transexualidade), sem perder as características de um texto para consulta rápida ou para leitura completa.
Transexualismo (Casa do Psicólogo, 2008)
Por Paulo Roberto Ceccarelli
Esta manifestação da sexualidade é a que interroga da forma mais radical a noção de identidade, os processos identificatórios e por extensão, o de patologia. As conclusões e hipóteses apresentadas são o resultado de um longo percurso teórico-clínico com transexuais.
O que é Transexualidade (Brasiliense, 2008)
Por Berenice Bento
Este livro busca responder a algumas questões como: "Até onde a cultura pode interferir na produção do masculino e feminino?", "O que é gênero?" e "O que é normalidade e anormalidade?"
Nome e Sexo - Mudanças no Registro Civil (Revista dos Tribunais, 2008)
Por Tereza Rodrigues Vieira
O nome civil é um dos principais símbolos da personalidade do indivíduo, capaz de particularizá-lo no contexto da vida social e produzir reflexos na ordem jurídica. Dessa importância resulta que, se o nome civil é sentido pela pessoa como uma carga pesada demais, poderá pleitear sua alteração em juízo. A presente obra trata dessa possibilidade de maneira abrangente, num estudo que se fundamenta na doutrina e na legislação nacionais e estrangeiras, em entendimentos jurisprudenciais atuais e, ainda, nos subsídios fornecidos pelos estudos científicos mais recentes e pelas transformações sociais observadas.
O Transexualismo (Loyola, 2008)
Por Colette Chiland
Como os transexuais vivem esse desacordo entre a percepção que têm de si mesmos e seu corpo? Ao interrogar-se sobre o transexualismo, Colette Chiland questiona as noções de masculino e feminino, de identidade macho e fêmea, e tenta delimitar a parte biológica e a cultural em nossas representações da diferença entre os sexos.
A Queda Para o Alto (Vozes, 2007)
Por Sandra Mara Herzer
Livro autobiográfico, conta a história de Herzer, cujo género atribuído era feminino, mas desenvolveu identidade masculina. Teve várias passagens por uma instituição de reclusão de menores brasileira, narra os maus tratos que sofreu, em parte originados pela sua apresentação masculina, e as ligações afectivas com as internas. Muito sensível, escreveu vários poemas, incluídos no livro.
A Reinvenção do Corpo: Sexualidade e Gênero na Experiência Transexual (Garamond, 2006)
Por Berenice Bento
Este livro se ancora em histórias de vida de pessoas que mudaram o corpo, cirurgicamente ou não, para se tornarem reais, para não serem 'aberrações', expressão comum entre os/as transexuais, e sugerirá que as explicações para a emergência da experiência transexual devem ser buscadas nas articulações históricas e sociais que produzem os corpos-sexuados e que têm na heterossexualidade a matriz que confere inteligibilidade aos gêneros.
Stone Butch Blues
Leslie Feinberg (Firebrand Books, 2004)
Homem ou mulher? Essa é a pergunta que se enfurece como uma tempestade em torno de Jess Goldberg, nublando sua vida e sua identidade. Crescer de um forma diferente num gênero azul - na década de 1950 -, saindo como uma butch nos bares e fábricas de pré-feminista dos anos 60, decide se passar por um homem para sobreviver quando ela é deixada sem trabalho ou uma comunidade em início dos anos 70. Este romance poderoso, provocante e profundamente comovente mostra o círculo se fechando em torno de Jess: ela aprende a aceitar as complexidades de ser uma pessoa transgênero em um mundo exigindo explicações simples - um todo, ele, ela emerge, resistindo à turbulência.

Vivência Transexual: O Corpo Desvela Seu Drama (Átomo, 2003)
Por Maria Jaqueline Coelho Pinto e Maria Alves de Toledo Bruns
Discussões sobre a sexualidade humana têm surgido freqüentemente em decorrência dos avanços no conhecimento da saúde, e por ser um assunto controverso, ou mesmo um tabu, pois quando o tema é transexualidade, há uma busca frenética no sentido de desvendar esse fenômeno. Este livro visa contribuir para uma reflexão mais crítica acerca da transexualidade, a fim de delinear novos horizontes e novas pesquisas, visando colaborar com aqueles que atuam neste seguimento.
True Selves - Understanding Transexualism
Mildred L. Brown and Chloe Ann Roensley (John Wiley Trade, 2003)
Combina informações fidedignas e de humanitário discernimento na experiência transexual. Cheio de sabedoria e entendimento, este livro inovador pinta um retrato vívido de conflitos que transexuais enfrentam em uma base diária - e a coragem que deve convocar, enquanto lutam para revelar o seu verdadeiro ser para si e outros. True Selves oferece orientações valiosas para aqueles que estão lutando para entender essas pessoas e suas situações. Usando histórias da vida real, cartas reais, e outros exemplos muito interessantes, os autores dão uma clara compreensão do que significa ser transexual. Eles também dão conselhos úteis outras, incluindo como lidar com compaixão com estes indivíduos muitas vezes mal compreendida -, mantendo o coração aberto, comunicando-se medos, dor e de apoio, respeitando as escolhas.

O Transexualismo (Companhia de Freud, 2002)
Por Henry Frignet
Seria fácil hoje mudar de sexo. A ciência permite modificar a aparência sexual do corpo; o direito em geral não se opõe à mudança de estado civil. Muitos parecem até ver no transexualismo uma etapa lógica na liberação dos costumes, após a da emancipação feminina ou do reconhecimento social da homossexualidade.
A Moça de Copenhague (Rocco, 2002)
Por David Ebershoff
A história começa com um pequeno favor pedido por uma mulher ao seu marido e inspira-se na verdadeira história de um dos mais apaixonados e estranhos casamentos do século XX. A história de Einear Wegener e da sua esposa americana Greta Waud, ambos pintores, nos anos 20 e de como uma situação aparentemente inconsequente irá mudar a sua vida, acabando Einear por se tornar a primeira pessoa a fazer uma operação de mudança de sexo.
Transexualismo: o Direito a Uma Nova Identidade Sexual (Renovar, 2001)
Por Ana Paula Ariston Barion Peres
A síndrome transexual caracteriza-se, primordialmente, pelo desejo compulsivo de modificar o sexo anatômico em conformidade com o sexo psicossocial. Esta obra enfrenta as questões legais que resultam da cirurgia redesignadora - como o direito à alteração do nome, à vida familiar e à filiação - e analisa a licitude da própria intervenção médica. A autora capta com precisão o momento em que o Direito é chamado para corrigir, no estatuto normativo, aquilo que a técnica vem corrigindo no âmbito biológico e psicossocial.
Sexo Trocado (Ediouro, 2001)
Por John Colapinto
Uma história real sobre um menino que ao passar, aos 8 meses, por uma circunsição mal feita, teve seu penis cortado. Por indicação de médicos e psicologos ele foi criado como uma menina, mas nunca se sentiu a vontade, e aos 14 anos quando descobriu, resolveu viver como menino (genero em que nasceu), isso depois de ter feito a terapia hormonal desde sua infancia. O que prova que o meio não interfere no genero de uma pessoa, pois, nesse caso, foi tratado e reconhecido como uma menina, mas nunca se sentiu como tal.
Problemáticas da Identidade Sexual (Casa do Psicólogo, 2001)
Por José Carlos Garcia
Este livro resgata a história do tratamento dispensado ao homossexualismo a partir dos trabalhos de Foucault e Catonné, até encontrar-se com as contribuições de Freud e seus seguidores. Por meio de um caso clínico, a homossexualidade é tratada como uma das formas de subjetivação possíveis e não como um desvio patológico da normalidade. A discussão sobre o transexualismo se faz através de um diálogo entre Robert Stoller e Moustapha Safouan. Tanto em relação à homossexualidade como ao transexualismo, é discutida a relação entre as posições assumidas pela psiquiatria clássica e pela psicanálise.
Transexualidade: o Corpo em Mutação (Editora GGB, 1999)
Por Edvaldo Souza Couto
Este livro aborda o fenómeno da transexualidade, observando a teoria da neurodiscordância de género, que identifica a transexualidade como origem neural e biológica. Oferece orientações precisas e desprovidas de preconceitos para pessoas interessadas na cirurgia de adequação de sexo.
Nicola - Um Romance Transgênero (Ed. GLS, 1999)
Por Danilo Angrimani
Um professor universitário sisudo, casado e com filhos tem, por trás de seu quotidiano conservador, uma vida secreta: quando se olha no espelho, vê uma mulher. Às vezes vagabunda, outras vezes amorosa e recatada, ela é uma parte sua que espera a chance de usar salto alto e batom.
Meu Sexo Real: a Origem Somática, Neurobiológica e Inata da Transexualidade (Vozes, 1998)
Por Martha C. Freitas
O livro busca comprovar cientificamente a origem somática e inata da transexualidade. Trata-se de estruturação neural. A conseqüência imediata dessa estruturação diferenciada é que cada pessoa tem um sexo do cérebro definido. A transexualidade é conseqüência da desarmonia na estruturação neural do feto.
Transexuais: Perguntas e Respostas (Ed. GLS, 1998)
Por Gerald Ramsey
O que são transexuais? Por que desejam mudar de sexo? A terapia pode curá-los? Gerald Ramsey, um psicólogo que há vinte anos trabalha nas comissões de gênero que acompanham o processo de redesignação sexual, dá explicações claras e detalhadas para as dúvidas que mais ouviu de familiares e amigos de transexuais, e mesmo de seus colegas médicos e terapeutas.
Limites e Possibilidades do Direito de Redesignação do Estado Sexual (Revista dos Tribunais, 1998)
Por Elimar Szaniawski
Este trabalho é um estudo sobre o transexualismo, em seus aspectos médicos e jurídicos, objeto de análise praticamente inédita no Direito. Invocando a noção de "redesignação de sexo", parte o autor para o exame de questões como a identidade sexual, a operação de mudança de sexo e a operação de transgenitalismo e suas conseqüências no Direito. Aborda a figura do transexual no Direito brasileiro apresentando os panoramas legislativo e jurisprudencial atual e no Direito Comparado. Finaliza a obra tratando da redesignação do transexual e do respectivo assento de nascimento, que o autor reputa um direito de cidadania, objeto de acaloradas discussões na atualidade.
Muito Prazer, Roberta Close (Rosa dos Tempos, 1998)
Por Lucia Rito
Biografia de uma famosa trasexual brasileira que criou polêmica em torno de si na década de 1990.
Transexualismo - O Enigma da Identidade (Paulos, 1997)
Por Jole Baldaro Verde e Alessandra Graziottin
Este livro trata o "transexualismo" como distúrbio da identidade sexual, caracterizado como um sentimento de inelutabilidade e de destino cruel ligado ao erro da natureza. O livro propõe que uma intervenção terapêutica precoce e correta sobre a família e sobre as crianças ou adolescentes poderia ajudar essas pessoas a reencontrar o caminho perdido que permite chegar a uma identidade correta não apenas sexual.
Read My Lips: Sexual Subversion and the End of Gender
Riki Anne Wilchins (Firebrand Books, 1997)
Sobre como o curso das políticas transgênero da última década tornaram-se uma vanguarda da libertação sexual. Embora a liberdade sexual e política dos homossexuais ainda não foram plenamente garantidas, questões bizantinas de "quem está dormindo com quem" implicam na face de quem luta para desconstruir a idéia do que significa ser um homem ou uma mulher. Read My Lips é um olhar apaixonado, inteligente e extraordinariamente inteligente sobre a forma como a sociedade não só cria homens e mulheres - ignorando a fluidez de masculinidade e feminilidade na maioria das pessoas - mas também explica como as categorias geram crises para a maioria dos indivíduos.

Body Alchemy - Transexual Portraits (Ed. GLS, 1996)
Por Loren Cameron
Livro fotográfico.
Monsieur D'Eon é Mulher
Gary Kates (Companhia das Letras, 1996)
Livro escrito por um historiador sobre um célebre agente da corte do Rei Luís XV, que a partir de um certo tempo passou a viver como mulher. História de intriga política. Uma alternativa à visão naturalizante do fenómeno transgender/transexual, análise numa perspectiva histórica e cultural.
Mudança de Sexo - Aspectos Médicos, Psicológicos e Jurídicos (Santos, 1996)
Por Tereza Rodrigues Vieira
Escrito a partir de uma tese de Doutoramento, traz informações variadas sobre os três aspectos mencionados no título e defende que a Justiça não pode intervir no tratamento do médico a seu paciente, quando a cirurgia é a única terapêutica eficaz para a transexualidade.
Transgender Warriors: Making History from Joan of Arc to Dennis Rodman
Leslie Feinberg (Beacon Press, 1996)
Este livro é profundamente pessoal e amplamente pesquisado. Feinberg examina as percepções do corpo, o status de roupa, e as estruturas das sociedades que recebem ou estão ameaçadas por variações de gênero. A galeria de retratos que fecha o livro contém fotografias e biografias contemporâneas cápsula de pessoas transexuais.

Gender Outlaw: On Men, Women, and the Rest of Us
Kate Bornstein (Routledge, 1995)
Em sua voz, compassiva e engraçada, Kate Bornstein pergunta e responde, compartilhando histórias em seu caminho rumo a um mundo novo e radical de sexualidade e gênero. Um manifesto, um livro de memórias, e uma performance, tudo em um, Gender Outlaw desafia nossas premissas mais básicas sobre o que significa ser um homem ou uma mulher. Ou algo totalmente diferente.
Os Onze Sexos (Gente, 1994)
Por Ronaldo Pamplona Costa
Livro bastante didático sobre as diferentes sexualidades e as diferentes expressões de gênero. Diferencia a identidade de gênero de papéis de gênero, o que ajuda a entender a transexualidade.
Extrasexo - Ensaio sobre o transexualismo (Escuta, 1992)
Por Catherine Millot
“Então, por que não a psicanálise? Um jovem transexual veio ver-me um dia, acreditando erroneamente que eu Ihe daria o endereço de um cirurgião capaz de praticar as operações de mudança de sexo. Insisti para que me dissesse porque desejava tanto ser operado. Respondeu-me que era porque tinha a impressão, tendo a aparência de uma mulher enquanto se sentia homem, de viver uma mentira. Objetei-lhe que, ao se operar, não faria senão trocar uma mentira por outra.”
    

4 comentários:

  1. Amo esse blog, gosto muito do conteudo aqui encontrado!
    Mas gostaria de perguntar se alguem tem um link pra baixar o livro: "A queda para o alto". Que muito me interessou, mas não encontrei :/
    Alguém?
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vou tentar ver se encontro e te envio ok? mas se não tiver quem sabe não pedimos para algum interessado conseguir o livro e escaneá-lo e liberar na rede...

      Excluir
    2. Olá Darth maul... não consegui o livro, vamos deixar aqui em aberto, sempre aparece alguém bom nestes atos e copia o livro, e posta ok? abçs.

      Excluir
  2. Bom dia,
    Gostaria de Saber se tem esses livros em pdf para baixar, estou fazendo uma pesquisa sobre transexual (TCC) e gostaria de utilizar alguns desses livros que falam sobre o trans.

    Obrigada
    Eliane

    ResponderExcluir