quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Hipospádias



Hipospádia do tipo peno-escrotal com curvatura peniana acentuada.

Hipospádia Distal sem curvatura.
A hipospádia é uma patologia congênita, que se caracteriza pela localização errônea da uretra, numa linha mediana ventral que pode variar desde o perineo, escroto, corpo do pênis ou glande dos meninos (nas meninas comentaremos mais adinante).
Apesar de não se conhecer a causa da hipospádia, acredita-se que ocorra por uma conjuncão multifatorial, como a influência genética (herança de qualquer etiologia.
 
 
 
 
 
 
Embriologicamente, esta não localização do meato uretral na glande é devido a uma falha na formação de uma fenda uretral glandar (urethral fold), que se forma e cresce em direção peniana), para se unir à dobra uretral peniana ventral (urethral groove), que forma a uretra em direção a glande (Kelalis, P.P. et al., 3º ed. Clin. Ped. Urol, 1992). Esta junção não ocorrendo, forma-se a placa uretral que servirá de ponto de partida para uma futura correção cirúrgica.
 
Até a 4º semana de gestação a genitália masculina e feminina são a mesma.
A partir deste ponto, por ação da testosterona a genitália externa começa sua diferenciação para masculina.
A hipospádia é uma patologia congênita, que se caracteriza pela localização errônea da uretra, numa linha mediana ventral que pode variar desde o perineo, escroto, corpo do pênis ou glande dos meninos (nas meninas comentaremos mais adinante).
 
Embriologicamente, esta não localização do meato uretral na glande é devido a uma falha na formação de uma fenda uretral glandar (que se forma em direção peniana) com a dobra uretral peniana ventral - que forma a uretra em direção a glande (Kelalis, P.P. et al., 3º ed. Clin. Ped. Urol, 1992). Esta junção não ocorrendo, forma-se a placa uretral que servirá de ponto d epartida para uma futura correção cirúrgica.
 
Até a 4º semana de gestação a genitália masculina e feminina são a mesma.
A partir deste ponto, por ação da testosterona a genitália externa começa sua diferenciação para masculina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário