sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Ejaculação Precoce

Ejaculação Precoce


A ejaculação , é a expressão máxima da excitação masculina. O prazer biopsicossocial deste fenômeno é proporcional a satisfação do indivíduo frente a sua vida e seu corpo. É um termômetro que mensura a qualidade de vida do homem.
Dentre as disfunções sexuais masculinas, a ejaculação precoce é a mais freqüente, manifestando-se geralmente na adolescência , devido principalmente a inabilidade erótica e inibição natural da idade que favoreceriam um estado de intensa ansiedade durante o coito causando descontrole das sensações eróticas que antecedem o orgasmo gerando forte insatisfação pessoal e desapontamento para a mulher.
Quando presente em adulto , este sintoma de ansiedade ampliado e multiplicado com o ritmo de vida contemporânea (competitiva e estressante) produz um desgaste emocional intenso devido a uma auto depreciação do significado do masculino dentro da relação causando o afastamento emocional e culminando com o quadro de disfunção erétil.
Esta provado que a ansiedade produzida pela adrenalina ( hormônio do estresse ) é a grande causadora deste problema que compromete a saúde sexual do casal.
O sexo fica comprometido por que o homem ansioso não consegue se atentar para o estimulo erótico natural induzido pela visão do corpo feminino tal é o estado de tensão durante o ato sexual . Desta forma a mulher percebe o sexo performático , isento do real desejo masculino, sentindo-se desvalorizada e perdendo o interesse no vinculo.
Geralmente o ejaculador precoce só procura tratamento a partir de um envolvimento emocional pois, antes ele desconsidera a sua rapidez nos encontros sexuais eventuais sem necessidade de maiores investimentos afetivos.
Importante mencionar que a maioria dos seres humanos desde pequeno aprende como perceber e administrar sinais emitidos pelo próprio corpo como alerta necessário ( fome , funções excretoras, dor, alegria etc.) para manter o equilíbrio orgânico e emocional Porém as sensações voltadas para os genitais e para o exercício de uma sexualidade saudável não são valorizadas e muitas vezes são revestidos de tabus e preconceitos gerando medo e ansiedade quanto ao desempenho correto.
Estudos demonstram que o homem normal demora em media quatro minutos para ejacular. A diferença esta naquele que consegue durante a fase de excitação, manter a ereção por um tempo mais prolongado antes de chegar a uma ejaculação.
A maioria dos homens já passou pela experiência de uma relação sexual rápida porem satisfatória . O problema da ejaculação rápida, não é o tempo, mas a insatisfação, por que sobra a sensação de que tudo aconteceu muito rápido e de que a parceira se decepcionou.
A crença de que o orgasmo entre o casal deva ser simultâneo, para que seja considerado ideal, não procede e causa apreensão e angustia entre o par. O sexo depende de um aprendizado e deve ser encarado de forma egoísta: cada um deve tomar conta de si. Se o homem se preocupar com o próprio prazer e a mulher com o dela , os dois se darão bem , por que sabem do que precisam para um encontro feliz.
Ejaculação Precoce
O diagnóstico de ejaculação precoce é feito durante a entrevista médica , com a historia pregressa da vida sexual.
Se o indivíduo tiver uma companheira o tratamento que dura em media de 4 a 6 meses pode ser encurtado. Pela cooperação ativa durante os exercícios preconizados.
Durante todo o acompanhamento terapêutico a penetração é evitada como forma de diminuir a ansiedade, e exercícios de dessensibilização permitem a reaprendizagem das sensações pré monitorias que antecedem a ejaculação.
Algumas vezes medicamentos são empregados para diminuir a ansiedade e também para prolongar o tempo de ereção
A terapia que engloba o casal ajuda a melhorar o relacionamento que geralmente esta desgastado.
A ejaculação precoce é um sintoma de um problema geralmente psicológico , devemos lembra que ao redor dos genitais , existe um homem que deve comandar todo o seu corpo, inclusive seu pênis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário