segunda-feira, 9 de março de 2015

CURVATURA PENIANA NO JOVEM XIX



Sigilo

O Dr. Paulo Egydio tem um cuidado especial com o sigilo, razão pela qual, faz questão de consultar e operar cada paciente.
O mesmo cuidado tem com a escolha de sua equipe, altamente qualificada e orientada quanto ao sigilo.
É possível corrigir com anestesia local e sedação (para dormir durante o procedimento), com possibilidade de alta do hospital até no mesmo dia. O retorno ao trabalho e/ou estudo, exceto atividades físicas, tem sido possível na maioria dos casos em 1 a 2 dias. Não é preciso que no trabalho, escola ou faculdade saibam do assunto.
A discrição e privacidade são fundamentais neste momento.

Exemplos de reoperações:

» Prótese peniana.
» Deformidades penianas.
» Cicatrizes grosseiras de fimose.
» Deformidades uretrais.
» Retirada de nódulos do pênis ou escroto.
» Reconstrução da junção do pênis com o púbis e/ou do pênis com o escroto.
» Retirada da prega alta do escroto no pênis, dando aparência de um pênis maior (o paciente pode tanto ter passado por uma cirurgia de fimose, na qual foi retirada muita pele, provocando o repuxamento da prega do escroto, o que resulta no aspecto denominado "pescoço de peru" ou ter nascido com esta deformidade).

Reoperações e Reconstruções genitais

Com sua ampla experiência, o Dr. Paulo Egydio tem sido referência para casos complicados e, juntamente com sua equipe, tem alcançado excelentes resultados nas cirurgias penianas reconstrutivas.
Através da utilização de princípios da cirurgia plástica e microcirúrgicos, tecidos podem ser transferidos para a reconstrução genital. A prótese de testículo e a retirada de excesso de gordura que embute o pênis também podem ser utilizadas concomitantemente.

Exemplos de reconstruções:

» Reversão de vasectomia.
» Pênis embutido.
» Micropênis.
» Ausência de escroto.
» Redução do escroto.
» Perda do escroto por acidente.
» Implante de prótese de testículo.
» Excesso de pêlo no pênis.
» Excesso de pele na ponta do pênis.
» Fimose
» Correção do escroto envolvendo o pênis (escrotalização).

Nenhum comentário:

Postar um comentário