terça-feira, 21 de abril de 2015

Mulheres preferem pênis mais grossos para sexo casual que para relacionamento duradouro


(PESQUISA)


BANANA RULER


O tamanho é documento, sim, em aventuras de uma noite só. Mas um novo estudo revela que não é o comprimento do pênis que interessa às mulheres tanto quanto sua circunferência.
No estudo, 41 mulheres viram e manusearam pênis feitos com uma impressora 3D. Os modelos eram azuis e variavam de tamanho, entre 10,16cm de comprimento e 6,35cm de circunferência e 21,60cm de comprimento e 17,78cm de circunferência.
Pediu-se às mulheres que escolhessem quais dos 33 modelos prefeririam em um parceiro de uma aventura passageira e qual prefeririam para um companheiro de longo prazo.
Para as aventuras de uma noite só, as mulheres escolheram modelos de pênis de circunferência um pouco maior, em média, do que escolheram para seus relacionamentos de longo prazo.
Mas não houve diferença de comprimento nos pênis preferidos para aventuras passageiras e relacionamentos de longo prazo: nos dois casos, as mulheres tenderam a escolher pênis com mais ou menos 16,5cm de comprimento.
A vagina possui muitas terminações nervosas sensíveis à pressão e que detectam sensações de esticar, e, disseram os pesquisadores, esses sensores podem detectar variações na circunferência do pênis. Um pênis mais grosso também pode levar o clitóris para mais perto da vagina durante a relação sexual, algo que pode ajudar a produzir o orgasmo.
Por outro lado, um pênis mais comprido pode provocar dor cervical, disse a pesquisadora Shannon Leung, estudante de biologia na Universidade da Califórnia em Los Angeles que apresentou os resultados do estudo no mês passado na reunião da Associação de Ciência Psicológica, em San Francisco.
Estudos anteriores sobre a importância (ou a falta de importância) do tamanho do pênis tiveram resultados ambíguos. Em um estudo feito com mais de 300 mulheres em 2012, 60% disseram que o tamanho do pênis não faz diferença para elas, mas aquelas que tinham orgasmos vaginais frequentes revelaram tendência maior a preferir pênis mais compridos. E um estudo publicado no ano passado constatou que a preferência das mulheres por pênis maiores depende das proporções do corpo do homem: um pênis maior é mais importante para as mulheres quando o homem é maior.
Mas muitos estudos feitos no passado usaram imagens de pênis ou empregaram termos como “pequeno”, “médio” e “grande” para avaliar a preferência das mulheres, e, segundo Leung, os termos podem ter significados diferentes para diferentes pessoas. Já o novo estudo é o primeiro a usar modelos de pênis criados com impressora 3D, de modo que as mulheres podiam manuseá-los.
Numa segunda parte do estudo, cada mulher recebeu um dos modelos de pênis e pôde examiná-lo por 30 segundos. Em seguida, foi pedido a elas que selecionassem o mesmo modelo de dentro de uma caixa contendo os 33 modelos, ou imediatamente depois de examiná-lo ou depois de preencher um questionário que levava dez minutos (para dar um intervalo de tempo).
Depois de completar o questionário de dez minutos, as mulheres tenderam a superestimar o tamanho do pênis que tinham examinado, revelou o estudo.
Essa descoberta pode ser tranquilizadora para os homens preocupados com o tamanho de seu pênis, disseram os cientistas.
“Os homens que cogitam fazer cirurgias para aumentar o tamanho do pênis talvez não precisem disso, se as mulheres tendem a superestimar” o tamanho de um pênis que viram, disse Leung.
O estudo foi realizado pelo Laboratório de Fisiologia Sexual e Neurociência Afetiva (SPAN) da Universidade da Califórnia em Los Angeles e ainda não foi publicado em um periódico científico com revisão de pares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário